Um testemunho especial da EB do Maxial

A Professora Ana Augusto é a professora da EB do Maxial (Torres Vedras) que tem vindo a acompanhar o projeto Heróis da Reciclagem do Alumínio – e a sua escola foi a grande vencedora do Desafio Escola dois anos consecutivos! Embora seja uma escola com apenas cerca de 20 alunos, entre a primeira participação (2016-2017) e a segunda participação (2017-2018), conseguiu recolher quase 600 Kg de cápsulas e outros pequenos de alumínio.

É por isso um excelente exemplo de capacidade de mobilização de toda a comunidade!

1. Quais as principais motivações que levaram a sua escola a participar no projeto Heróis da Reciclagem do Alumínio? E que mais-valias tem trazido aos alunos e professores?

A importância de criar e desenvolver, desde cedo, a consciência de que o tratamento e reaproveitamento do lixo é fundamental para a preservação do meio ambiente e para uma melhor qualidade de vida, tem sido uma preocupação constante, para todos aqueles que estão envolvidos e trabalham nesta escola.

Há três anos consecutivos que o projeto Heróis da Reciclagem do Alumínio se insere na dinâmica e nas atividades que se desenrolam na E.B.1/J.I. do Maxial. No primeiro ano fomos presenteados com o primeiro lugar e, para além do prémio monetário recebido, que é sempre uma mais valia, ainda tivemos a oportunidade de participar numa visita de estudo que colocou os alunos em contacto direto com um dos grandes objetivos deste projeto: reciclar, para contribuir para uma segunda vida da cápsula na medida em que, a borra de café é reutilizada para produzir arroz e o alumínio da cápsula é transformado para ser reutilizado.

No segundo ano já tínhamos, os alunos e a população escolar desperta para a importância do projeto Reciclar é Alimentar, uma vez que descobrimos que, com o processo de reciclagem das cápsulas, contribuímos também para uma ajuda para o Banco Alimentar.

Ao longo deste terceiro ano continuamos motivados e desejando que, também outras escolas, tenham a mesma oportunidade que tivemos não esquecendo : continuamos ativos e a trabalhar para um mundo melhor, cada vez mais conscientes do que é realmente importante.

Reforçamos ainda a ideia de que: este projeto tem tudo para dar certo.

 

2. A EB do Maxial foi a vencedora do Desafio Escola (maior quantidade recolhida de pequenos objetos de alumínio per capita) dois anos consecutivos. De que forma conseguiram mobilizar e envolver de forma tão positiva toda a comunidade (educativa, mas não só)?

O empenho dos alunos e da comunidade educativa foi sempre uma constante, ao longo destes anos. As pessoas sentem que estão a ajudar as crianças, com o prémio monetário que serve de reforço para a compra de materiais importantes para a dinâmica da escola e, ao mesmo tempo, contribuem para uma causa humanitária e ecológica.

 

3. No momento de participação em projetos extracurriculares, o que considera que mais motiva os alunos? E os professores?

A forma como é apresentado e dinamizado um projeto, as atividades a desenvolver que, devem ser, apelativas e de fácil perceção, a periodicidade e a flexibilidade na aplicação do que é pedido e uma recompensa pelo esforço, seja o que for, com a entrega solene, como tem acontecido, pois as crianças sentem-se orgulhosos e felizes por terem alcançado o objetivo a que se propuseram.

 

Partilhe este artigo